Suspensos, 51 planos de saúde de 11 operadoras deixam de ser vendidos

 A suspensão começou a valer no dia 14 de junho.

A ANS (Agência Nacional de Saúde Suplementar) decidiu suspender temporariamente a venda de 51 planos de saúde de 11 operadoras por causa de reclamações dos clientes. A suspensão começou a valer no dia 14 de junho. A lista com todos os planos suspensos pode ser vista no site da ANS.

Nada muda para quem já é cliente

Os planos de saúde suspensos têm, juntos, 600 mil clientes. Para quem já é cliente, nada muda. O objetivo é evitar que as operadoras vendam seus produtos a novos clientes antes de resolver os atuais problemas. Se melhorarem o serviço prestado e tiverem redução do número de reclamações, as operadoras poderão ter a comercialização liberada daqui a três meses, de acordo com a ANS.

De volta ao mercado

Paralelamente, dez operadoras poderão voltar a comercializar, a partir de 14 de junho, 27 planos que estavam impedidos de serem vendidos. De acordo com a agência, isso acontece quando há melhoria comprovada no atendimento aos clientes.

Fonte: https://economia.uol.com.br/

0 respostas

Deixe uma resposta

Quer juntar-se a discussão?
Sinta-se à vontade para contribuir!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *